Mercado

Soldados da Borracha poderão ter direito a empréstimos consignados

Soldados da Borracha poderão ter direito a empréstimos consignados

A direção do Sindicato da categoria afirma que as taxas de juros são menores que as cobradas pelo mercado.

 

Soldados da Borracha, nome popular para os seringueiros recrutados durante o esforço de guerra de 1943 a 1945, que foram beneficiados com dois salários mínimos de pensão vitalícia pela lei 7.986/89, poderão ser beneficiados com o empréstimo consignado que é a forma de empréstimo descontado direito de seus proventos, com uma taxa de juros bem acessível.

Essa reivindicação é muito pedida pela categoria do Sindicato, que ao contratarem empréstimo bancário vem pagando juros exorbitantes, e o empréstimo consignado tem seus descontos operacionalizado pelo Instituto Nacional do Seguro Social (INSS).

A solicitação do consignado foi formalmente protocolada no gabinete do Deputado Federal Mauro Nazif que, em pouco tempo de mandato, vem com afinco lutando junto com o Sindicato pelo pleito da categoria, além da autoria do 13 salário (projeto de lei no 1589/2019), e do atendimento pelos serviços de saúde das forças armadas (projeto de lei no 1588/2019).

Para o vice-presidente do Sindicato, George Telles (carioca), o atual governo tem analisado as demandas da categoria com muito respeito. "Estou muito confiante no trato do andamento de nossas reivindicações, diferente do governo anterior, que para pagarem aquela "PEC -78', conhecida como a PEC da injustiça, tivemos que ir a uma audiência nos Estados Unidos denunciar o governo brasileiro."

 

Leia também: CNA e associações discutem estratégias para aumentar a competitividade da borracha natural

 

Fonte: Primeira Página, com informações do site Rondônia ao Vivo.

Redes Sociais